Lula é condenado, mas não é ‘FICHA SUJA’

Nesta quarta-feira (12), o juiz Sérgio Moro condenou por nove anos e seis meses de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O juiz é responsável pelos processos da Lava Jato na primeira instância que tem mais de 238 páginas (a sentença).

É importante dizer aqui que o ex-presidente só pode poderá ser preso em regime fechado se for condenado no julgamento em segunda instância que provavelmente acontecerá daqui a seis meses ou quem sabe em março de 2018. Nessa ação penal onde condenou Lula, envolve o caso da compra e reforma de um apartamento triplex em Guarujá, no litoral de São Paulo.

Luiz Inácio Lula da Silva foi condenado na Lava Jato (Foto: Douglas Magno/AFP)

Lula é o primeiro presidente condenado por corrupção no Brasil. Vale lembrar que o ex-presidente ainda pode sair candidato a presidente nas eleições do ano de 2018 – isso se o mesmo não for condenado em segunda instancia.

O prefeito de São Paulo João Doria disse que quer o ex-presidente Lula saia candidato para que os tucanos o derretem nas urnas. Lula continua sendo réu em outros 4 processos.

Não importa o quão alto você esteja, a lei prevalece (…)”, diz o juiz na sentença. São poucos mais de R$ 87 milhões de desvio dos cofres público.

trecho da sentença dada por Sergio Mouro

Adcionar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Todos os direitos reservados - Desenvolvido por i9bem