Em Santa Inês motorista embriagado mata por atropelamento homem que vinha do trabalho

Silvestre Borges vítima de atropelamento. Foto/Divulgação

Silvestre Borges de 42, teve a vida ceifada na madrugada de domingo (4), após ter sido atropelado por um veículo modelo Golf de cor vermelho no município de Santa Inês. Informações dão conta que Rilton Queiroz Rangel Júnior de 21 anos, conduzia o carro embriagado, em alta velocidade pela Avenida Castelo Branco e que depois de ter atropelado sua vítima fugiu local sem prestar socorro.

Silvestre ainda foi socorrido e levado ao hospital municipal, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito horas depois. Rilton Queiroz já responde dois processos em função de imprudência no transito: 2015 e outro em 2017 e responderá mais um, desta vez contra a vida do trabalhador Silvestre Borges.

Rilton Queiroz suspeito de atropelar Silvestre Borges. Foto/Divulgação.

A vítima, segundo informações, estava saindo do trabalho e no momento do acidente conduzia uma moto modelo 100 Biz. Silvestre deixou uma filha de 12 anos.

A família de Silvestre Borges pede justiça e que o caso não fique na impunidade. A vítima era religioso e bastante conhecido Santa Inês e deixou uma filha de 12 anos de idade.

O corpo de Silvestre foi enterrado na tarde de domingo (4).

Com informações de santainesmaemfoco