Conferência Macrorregional de Saúde das Mulheres será terça-feira (27), em São Luis

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) e Secretaria de Estado da Mulher (SEMU) realizaram conferências em seis territórios, que abrangem as 19 Unidades Regionais de Saúde (URS) a fim de ampliar a participação de mulheres e homens, jovens, adultos e idosos, usuários do Sistema Único de Saúde (SUS)

0
149

O Maranhão se prepara para a 2ª Conferência Estadual de Saúde das Mulheres. Nesta terça-feira (27), São Luís sedia a última Conferência Macrorregional, totalizando sete etapas regionais. O encontro acontece na Orienta Consultoria, no Jardim Renascença, a partir das 9h.

 Nessas etapas o objetivo é analisar e debater as prioridades do documento orientador, e elaborar propostas para o fortalecimento dos programas e ações que podem compor a Política Estadual e Nacional de Atenção Integral da Saúde das Mulheres. Para promover a melhoria das condições de vida e da saúde das mulheres, as macrorregionais estimulam a participação popular.

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) e Secretaria de Estado da Mulher (SEMU) realizaram conferências em seis territórios, que abrangem as 19 Unidades Regionais de Saúde (URS) a fim de ampliar a participação de mulheres e homens, jovens, adultos e idosos, usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), gestores, prestadores de serviços, na construção de políticas públicas na área da saúde da Mulher. Já foram realizadas macrorregionais regiões de Itapecuru-Mirim, Caxias, Imperatriz, Bacabal, Pinheiro e Presidente Dutra.

Conferência estadual

A 2ª Conferência Estadual de Saúde da Mulher (Cesmu) reunirá, nos dias 6 e 7 de julho, cerca de 400 mulheres, gestoras, de entidades de classe, movimentos sociais e instituições voltadas à saúde, que deliberarão sobre as diretrizes para políticas públicas e a composição da delegação maranhense à 2ª Conferência Nacional de Saúde da Mulher, em Brasília.

A conferência estadual, convocada pelo governador Flávio Dino, sob a temática “Saúde da Mulher: desafios para integralidade com equidade”, formulará diretrizes para políticas públicas, efetivando os princípios do Sistema Único de Saúde (SUS), como, por exemplo, a situação da saúde da mulher, do mesmo modo que as políticas públicas para as mulheres e a participação social. A conferência será realizada pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) em parceria com a Secretaria de Estado da Mulher (SEMU).